fbpx

Inseminação Intrauterina

A Inseminação Intra-Uterina (IIU) é uma técnica de reprodução assistida de baixa complexidade. Consiste na indução da ovulação com medicações via oral e/ou injetáveis ( via subcutânea), geralmente por 5 dias, com o objetivo do ovário da paciente produzir até 3 folículos, diferente de um ciclo natural onde somente 1 folículo é gerado mensalmente de forma espontânea.

Este crescimento folicular é monitorizado através de exame de ultrassom, realizado em consultório. O folículo é uma estrutura esta que cresce no ovário e que contém o oócito (gameta feminino equivalente ao espermatozóide do homem). No momento adequado agenda-se a IIU, assim no dia da IIU o marido colhe no período da manhã espermatozóides, o mesmo é preparado no sentido de separar os melhores espermatozóides (processamento seminal) e este é levado pela paciente ao consultório do médico em horário previamente combinado.

A semelhança de um exame ginecológico, a IIU consiste em colocar os espermatozóides selecionados dentro da cavidade uterina através de um cateter(tubinho) fino e delicado.

A IIU nada mais é do que uma relação sexual artificial no melhor momento da paciente com o melhor material do parceiro. Para a IIU a paciente tem que ter a integridade do útero, ovários e trompas. Esta técnica esta indicada para pacientes com idade até 35 anos, com problemas de ovulação como a síndrome dos ovários policísticos (SOP), endometriose mínima ou leve e fator masculino leve entre outras.

<REVISAR: No texto acima é feita apenas a descrição do tratamento. Não há menção sobre a clínica, sua experiência no assunto ou o nome do Dr. Thomas, sugiro repensar o texto>