Gravidez Tópica e Ectópica

Artigos sobre Infertilidade e Reprodução Humana

Quando pensamos em gravidez, imaginamos o bebe se desenvolvendo dentro do útero, que é o único lugar onde ele pode crescer de forma saudável, chamada na medicina de Gravidez Tópica.

Já a Gravidez ou Gestação Ectópica é quando o embrião começa a se desenvolver fora da cavidade uterina, o que pode trazer sérios riscos para a saúde da gestante, se não for detectada logo.

gravidez topica e ectopica gestação trompasApesar de raro, quando a Gravidez Ectópica ocorre após a Fertilização in Vitro (FIV), ela é detectada logo devido ao controle periódico da ultrassonografia.

Conheça um caso real de Gravidez Ectópica na FIV

Entenda as diferenças, os riscos e as possíveis causas!

A gravidez ou gestação tópica consiste na fixação e desenvolvimento do embrião dentro do útero, onde ocorrem as trocas de oxigênio e nutrientes entre mãe e bebê de forma adequada. Nesse caso, o espermatozoide encontrou e fecundou o óvulo dentro da trompa para formar o embrião, que percorreu o caminho da trompa até o útero (4 a 5 dias) e se fixou dentro da cavidade uterina entre o 6° e o 7° dia.

Se por algum motivo esse processo de deslocamento do embrião for interrompido (trompa fechada) e ele se implantar em outro lugar fora do útero (trompa, ovários e etc.), a gravidez é denominada ectópica.

A gestação ou gravidez ectópica ocorre em 95% das vezes nas trompas, mas pode ocorrer também nos ovários, na cérvice, na cicatriz de cirurgias uterinas prévias e na cavidade pélvica e abdominal, e sua incidência gira em torno de 1 a 2%. Como a trompa não foi feita para desenvolver o embrião, ele não consegue ter nutrientes suficientes e pode acabar ocorrendo um aborto tubário, com o próprio organismo expulsando esse material.

Porém, quando a gestação continua se desenvolvendo dentro da trompa existe um grande risco de rompimento, causando um sangramento que pode ser intenso e trazer risco de morte à gestante. O processo de rotura ocorre em geral entre a 6ª e 7ª semana de gestação; quanto mais próxima a trompa estiver do útero, maior o risco de rompimento.

Mas, o que causa uma gravidez ectópica?

As principais causas estão relacionadas a gestação ectópica prévia (10 a 25% chance de recorrência), história de DIP (principalmente por Clamídia), cirurgia abdominal prévia (principalmente nas trompas), DIU, infertilidade, tratamento por reprodução humana assistida, tabagismo, aborto provocado, entre outras menos comuns.

Quais são os principais sintomas e como diagnosticar?

Os principais sintomas são:

  • Sangramento uterino na gestação (que pode ser intermitente).
  • Dor pélvica de intensidade variável e muitas vezes do lado onde se formou a gestação.

Pode acontecer da gestante não ter nenhum sintoma.

Se houver rotura com sangramento intenso, a gestante pode sentir dor abdominal intensa com irritação peritoneal, queda da pressão arterial, taquicardia, pressão no reto ou ombro.

O diagnóstico é feito por meio da ultrassonografia, por isso realizar exames de ultrassom (USG) desde o início ou suspeita de gestação é muito importante para a saúde da mulher. Com o USG é possível observar a posição do saco gestacional, verificar se há imagem fora do útero e se há presença de sangue na cavidade pélvica.

O exame Beta-HCG também pode auxiliar no diagnóstico, devendo dobrar a cada 2 dias nas gestações tópicas. Se isso não acontecer, pode se suspeitar de gestação ectópica. Além disso, uma dosagem de beta-HCG acima de 2000 ui indica que temos que ver um saco gestacional.

Como é realizado o tratamento?

O tratamento pode ser clínico onde o médico observa e aguarda a resolução espontânea, por meio do uso de medicação para auxiliar o organismo a reabsorver o saco gestacional ou, em alguns casos, o tratamento pode ser cirúrgico por laparoscopia ou cirurgia aberta.

A RRT Clínica da Mulher é especializada em Medicina Fetal e Gestação de Alto Risco, e realiza o acompanhamento e tratamento necessários para os casos de gravidez tópica e ectópica. Consulte nossa carteira de Convênios!

Se você é gestante, quer engravidar, tem dúvidas ou necessita de acompanhamento médico, entre em contato conosco e agende sua consulta clicando no link http://www.rrtclinicadamulher.com.br/agendamento-de-consultas/

Dra. Melissa Dunstan
CRM 103785
Medicina Fetal e Gestação de Alto Risco

#saudedamulher #medicinafetal #gestaçaodealtorisco #ultrassonografia #ultrassom #usg #usgmorfologico #ultrassomdoppler #ginecologia #obstetricia #cuidadoscomagestante #gestante #gravidez #prenatal #medicinaesaude #gravideztopica #gravidezectopica #gravideznastrompas #riscosnagestação #betahcg #reproducaohumana #reproducaoassistida #fiv #queroengravidar #querosermae #multiclinica #rrtclinicadamulher